Chuvas e Flores

 

Uma amiga, há pouco tempo, confidenciou-me: "está chovendo sobre mim provas que vão além da minha capacidade de suportar. O desapontamento destrói meus planos, o luto caiu sobre a minha vida e meu coração estremece de tanto sofrimento."

Quantos de nós, em algum período de nossa vida, disse ao seu coração: " Senhor, chove forte sobre mim! Temo os trovões e as tempestades!"

Estamos aflitos? Pela fé, encontramos ajuda nas aflições. O inimigo nos venceu? Pela fé, podemos nos refugiar no colo de Jesus. É a fé que nos liga à divindade e nos reveste de poder , coloca à nossa disposição todos os atributos de Deus.

ELE nos dá autoridade sobre o inimigo.É o fio telegráfico que liga a Terra ao céu, pelo qual a mensagem de amor voa tão rápido, que antes de chamarmos, ELE responde.

Sim! ELE nos ouve, mas se o fio telegráfico se romper? Como receberemos a promessa? Quantas vezes nos gabamos de ser práticos, de querer um apoio mais concreto que a fé?

Muitas vezes, as chuvas que recaem sobre nós são bênçãos. Da chuva que cai, brotarão flores espirituais, de suave fragrância e beleza, que nunca conferiríamos antes da tempestade ou pela disciplina de Deus.

Somos capazes de sentir as chuvas...mas temos a sensibilidade de enxergar as flores? Contemplamos a chuva da provação, mas Deus vê a flor da fé, que desabrocha na nossa vida.

A dor traz amadurecimento, enriquecimento e brandura. Não é a aflição que cai sobre quem ora, mas o amor ágape de Deus, a compreensão, os frutos e flores provenientes do Espírito do Senhor.

 

CHUVAS E FLORES
Maria Jose Zanini Tauil


O agricultor não vive
Sem a colheita
Observa o atirador,
O alvo atingido
O médico aguarda
Do remédio, o resultado
E eu, Senhor, sou açoitado
Por chuvas de provas
Será que resisto?
É orando, que insisto!



Não me abandones, Senhor!
Que eu suporte o vento gelado
O frio cortante, o cabelo molhado
Assim, de alma encharcada
Que eu seja em teu colo carregada
Pois tenho medo de me afogar



Mas que no final
Surja o sol
E eu possa colher
Após a diversidade
Todas as flores
De formas e matizes
E fazer meu buquê
De FE LI CI DA DE!




CHUVA DE BENÇÃOS (letra e música)
http://letras.mus.br/fernandinho/306233/

 

 

Imagem: recebi sem autoria
Wav: Fernabdinho - Chuvas de Bençãos
Formatação: JoiceGuimarães

 

 

 

 

Voltar